segunda-feira, 12 de maio de 2008

sesc

Isso chegou hoje no meu email


Leia com atenção!

Não sei se vc já usufruiu dos bons serviços disponíveis pelo SESC, caso não o tenha feito, FAÇA! A entidade dispõe de vários tipos de serviços e atividades sociais, esportivas e culturais com nível de primeiro mundo. O problema é que o governo está querendo acabar com isso tirando o benefício que é recolhido dos funcionários do comércio pra "aplicar na educação"...será?! Enfim, eu enquanto usuário efetivo dessa maravilha, me disponho a levantar essa bandeira e partir pra luta contra esse que seria um tremendo desperdício para o nosso país que já é tão carente de acessos de alto nível para as camadas menos favorecidas, como no caso do SESC.

A quem interessar possa, há uma carta aberta do SESC no site: www.sescsp.org.br

Vamos lá dar uma força, não custa nada, é só enviar o nome completo, e-mail, profissão e localidade.

Repassem essa mensagem a todos de sua lista.

Abs.

Daniel Imbroisi

5 comentários:

Evelyn disse...

Opa!

Tivemos esse manifesto algum tempo atr�s postada na comunidade do orkut do Rappa, vou atualizar ele e ver se as pessoas ajudam na vota�o...

foi no Sesc que vi v�rias exposi�oes
foi no Sesc que vi v�rias pe�as de teatro
foi no Sesc que vi O Rappa em Interlagos, em Itaquera e no Pomp�ia
foi no Sesc que vi o Ludov crescer, conheci M�veis Coloniais de Acaju e pude ver um show hist�rico do Skatallites...

Bjs...e vida longa ao Sesc

Evelyn disse...

Para saber mais

http://www.amigosdosesc.com/

Isabel disse...

Oi é isso mesmo... Estamos realizando uma grande campanha em defesa dos SESCs. Divulguem , acessem o nosso site www.amigosdosesc.com, façam parte desse grande movimento.

Isabel Garnett

natharaja disse...

Bacana, o SESC é uma mãe. Receptivo paca. Já cheguei lá de mala e cuia e fui bem recebida. Alegria do povo de São Gonçalo. Do Groove, da antiga Taverna (não tá mais lá). Acolhedor.
Acolhe até uns loucos varridos.
Vô espalhar.
Brigadão e Abração!

valter Luiz disse...

A CARNE MAIS BARATA DO MERCADO!

Já ui usuário do sistema S, principalmente no lazer e na cultura, mas considero que os empresários escondem a história e a verdade: a grana repassada para o sistema é dos trabalhadores, porém são os patrões que administram e decidem como gastar.
Além disso, instrumentalizam TODAS as ações do sistema, dando-lhes a conotação de avor, boa vontade, um caráter positivo ao que se faz, conseguindo eleger empresários e até um presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI), o deputado Armando Monteiro Neto (PTB-PE).
Ademais, desade a década de 90 que o SENAI, por exemplo, tem cursos caríssimos, com custo por aluno de R$10 mil anuais, contra os R$3 mil dos CEFET, e R$4 mil das escolas particulares.
Tão ruim quanto isso são as condições de trabalho dos proessores. Apesar de serem professores, e dos bons, têm registro em carteira como instrutores, ou seja, o sindicato, as condições e os direitos legais de trabalho são outros, de menor status e de direitos que professores, apesar de exercerem as mesmas funções que num CEFET ou outra escola.
Um caso paradigmático é o do Instrutor Vicente Batista de Souza, que foi, em 1995, demitido sem justa causa, depois de sofrer perseguição e atos de infâmia e discriminação racial.
Seu processo somente se encerrou em 13-02-2004, com a sentença pelo STF de reintegração ao trabalho, negando qualquer reparação por perseguição e discriminação, considerando que são rutos de relação pessoal, de foro íntimo, e que o patrão nada tem com isto.
Importante ressaltar que Vicente nunca mais conseguiu outro emprego regular. A FIEMG não mais o permitiu.
É A CARNE MAIS BARATA DO MERCADO!